Se a gente contasse, há cinco anos, que uma marca nativa da internet decidiria abrir lojas físicas e investir em cada detalhe dessa presença, você provavelmente nos chamaria de delusionais. Imagina se essa marca sambasse na cara do varejo ao fazê-lo, amealhando prêmios de inovação, buzz massivo e – mais importante – o coração dos consumidores? Foi exatamente isso que aconteceu com a Warby Parker. Tudo começou como sempre começa em casos como esse: com um grupo de amigos decididos a empreender, com cerveja e um desafio em mãos: vender óculos online. Em entrevista à Fast Company, o fundador Neil Blumenthal afirmou que muitas pessoas diziam a ele que era difícil demais comprar óculos online porque não se pode prová-los. O time focou em vencer a impossibilidade da prova online de óculos, debruçando sobre soluções tecnológicas que envolviam sistemas de reconhecimento facial onde o consumidor fazia upload de uma foto de seu rosto e podia provar, online, as armações. Esse processo gerava uma estimativa do visual final, então fazia-se necessária, ainda, uma prova física para evitar o retorno de quantidades excessivas de óculos à empresa, por inadequação ao rosto ou estilo do consumidor. Uma solução encontrada foi possibilitar ao consumidor solicitar, sem custo, cinco armações para provar em casa. A facilidade logística conquistou o público e viralizou o conhecimento de marca rapidamente: os usuários levavam os óculos a seus locais de trabalho e os colegas os provavam também, tornando exponencial o crescimento de pedidos. warby_glasses

“A Netflix dos óculos”

Após um período de testes, a Warby Parker lançou suas operações ao público em 2010. Não muito tempo depois, foi chamada de “a Netflix dos óculos” pela revista GQ. O título revelava tanto a avassaladora adoção por parte do público quanto a disrupção embutida no modelo de negócios. Neil Blumenthal, em entrevista à Inc.com, afirmou que a marca acredita no futuro do varejo como a intersecção entre o e-commerce e as operações físicas. “É sobre como podemos criar momentos especiais. Quando você entra na loja, a maioria das pessoas fica surpresa, porque não se parece com qualquer lugar onde eles estivessem estado que vendesse óculos”. A flagship store da marca em Nova York é tão esteticamente preciosista quanto a presença online da marca. Projetada para ter o visual clássico de uma biblioteca antiga (há quem diga que seria o da própria Biblioteca Pública de NYC), ela encanta pelos detalhes vintage – incluindo escadas deslizantes, livros (muitos e lindos livros!) e, bom, tudo o que faria um book geek sorrir até doerem as bochechas. A escolha do local foi tudo, menos tímida. O aluguel contratado por 10 anos em um endereço disputadíssimo no Soho, próximo à Ralph Lauren e em frente a uma Apple Store transmitiu um recado inequívoco: a Warby Parker estava ali para valer. Todos os óculos estão à disposição para que o público possa prová-los o quanto desejar – a atitude proativa da marca em incentivar que os consumidores testem os modelos foi perfeitamente traduzida do meio digital para o meio físico. Para facilitar ainda mais, as lojas físicas têm um optometrista residente para exames oftalmológicos, sete dias por semana. Os consumidores podem levar os produtos diretamente para casa, recebê-los pelo correio ou comprá-los online para pegar na loja física. Conveniência e simplicidade são levadas muito a sério na operação. A partir de uma visão inovadora constantemente revitalizada, a Warby Parker desafiou a gigante Luxotica e se tornou a maior e melhor referência de venda online de óculos do mundo. Hoje, há diversas operações que tentam copiar o modelo de negócio – às vezes replicando até o próprio website. A diferença é brutal, pois há uma coerência gigante no propósito e na estratégia da Warby Parker que a tornam inimitável.

Quer visitar?

Se estiver em Nova York, vá ao 121 Greene Street, no Soho. Nossa dica é seguir o mesmo caminho que fizemos: acesse o site, passe por toda a experiência online de escolha de opções de armação, vá à loja física, prove as armações e realize a compra. Além de sair com um par de óculos estilosíssimo, terá sentido, na pele, o processo impecável desenhado por Blumenthal e seu time. Não se esqueça de tirar uma selfie na cabine temática da loja e enviar para a gente 😉